sexta-feira, 25 de fevereiro de 2011

Semanada (sem.8 - 2011)

Começamos mais uma semanada com a grande descoberta desta semana: o Elixir da Longa Vida. Qual Lapis Philosophorum, qual carapuça. A britânica Gladys Gough de 103 anos bateu todos os Alquimistas e acredita conhecer o segredo para uma vida longa. Qual o segredo? Não ter sexo!!! «Eu nunca casei, nunca tive um namorado. Isso provavelmente teve alguma coisa a ver com isso [longevidade]. Eu, simplesmente, nunca me preocupei com os homens», disse ao jornal «The Sun». Gladys parece ser uma fervorosa adepta da abstinência pois para além disso afirma que também nunca bebeu, fumou ou tomou medicamentos (o que raio andou a fazer neste tempo todo?) Portanto se quiserem viver uns bons aninhos já sabem o que fazer, agora aqui entre nós afirmo de fonte segura que todos os tertulianos deverão morrer todos muito jovens!



Para aqueles que se estão a rir da notícia anterior aqui fica uma prova que a senhora até é capaz de ter razão. Cerca de 170 pessoas ficaram doentes, depois de terem participado numa festa na casa do fundador da Playboy, Hugh Hefner, em Beverly Hills. A festa ocorreu 3 de Fevereiro e a informação foi avançada pela imprensa local, que cita as autoridades sanitárias. As causas desta misteriosa epidemia estão a ser investigadas. Eu cá digo: “Ouçam a Gladys!”


Quem também não deu ouvidos a esta nova revelação foram Andrew Donaldson, de 41 anos, e Karen Waters, de 43, que foram apanhados a ter sexo no cemitério de uma igreja em Reigate, no Reino Unido. O decorrido aconteceu numa tarde solarenga a 22 de Abril de 2010. O casal defendeu que estavam apenas a apanhar sol (eu também sempre que posso gosto de apanhar sol no cemitério) e que só trocaram beijos e abraços. Infelizmente os funcionários e pais dos alunos (a igreja fica perto de uma escola) chamaram a polícia, depois de os alunos terem surpreendido o casal sem roupa no cemitério em pleno acto sexual entre as lápides. Gostos são gostos, além disso acho que deveriam dar um desconto, afinal estavam a fazer o amor em terreno sagrado, isso não conta?


A Igreja bem que podia defender este caso e mostrar um lado mais doce. Talvez seja por isso que se registou este potencial candidato a novo milagre. Uma pequena imagem de Jesus Cristo numa casa em Sapopemba, na Zona Leste de São Paulo, começou a verter lágrimas de mel. «Acho que é uma mensagem de Deus a toda a humanidade», afirmou Doralice da Silva Carvalho, de 67 anos e dona da peça. «Jesus está a mostrar a doçura do seu coração, porque hoje em dia as pessoas estão muito amargas». Sem dúvida que um gesto vale mais do que mil palavras!

Gamal Ibrahim também quis quiçá ter um gesto semelhante. O jovem egípcio foi pai recentemente e decidiu dar o nome «Facebook» à sua filha recém-nascida como forma de homenagear o papel da rede social na revolução que começou a 25 de Janeiro no seu país e terminou com o afastamento do poder do presidente Hosni Mubarak.
Gamal Ibrahim explicou que «é uma forma de expressar a sua alegria pelas conquistas dos jovens no país». Depois da pequena Lyonce Viiktórya já nada me surpreende.

E já que Djaló veio à baila terminamos com as notícias do desporto. Os eternos adversários futebolísticos, Benfica e Sporting, continuam a levar a sua rivalidade para fora do campo. No último derby essa disputa chegou também aos sinais de trânsito quando um semáforo (claramente do Sporting) atacou um adepto do Benfica.



NOTA: Todo o conteúdo deste blog é baseado em factos reais sendo que se torna muito difícil distinguir a ficção da realidade. Todas as imagens neste blog são descaradamente roubadas aos seus legítimos proprietários, desculpem lá qualquer coisinha!

5 comentários:

  1. lol se repararem está verde! ah ah ah ! lol

    ResponderEliminar
  2. Nada que eu não tivesse imaginado!! E claro que tá verde Dário,senão não era do zborting! lolo ;)

    ResponderEliminar

A opinião veiculada nos comentários é a dos seus autores e não do Tertúlia Cor-de-Burro-a-Fugir.
Será responsabilizado o autor de qualquer comentário susceptível de lezar o bom nome, a honra ou a imagem de pessoas ou instituições, bem como o autor de qualquer comentário injurioso, ofensivo ou contrário às leis portuguesas... (Por outras palavras, vamos ter o direito de vos chamar nomes também!)
Qualquer comentário pode, a qualquer momento, ser rejeitado ou retirado pelo Tertúlia Cor-de-Burro-a-Fugir, sem necessidade de justificação... E mais nada!